Sejam Bem-vindos

Ideia, cinema, literatura, opinião, crítica, política, Direito, dia-a-dia - Um espaço para escrever, relaxar e soltar o verbo.
A preocupação é deixada de fora.


Sinta-se em casa!




quarta-feira, 21 de março de 2018

A Ciambra


O filme se passa em uma comunidade cigana muito pobre, localizada na região da Calábria, ao sul de Nápoles. Nela, o sonho das crianças é crescer para se adentrarem nos grupos de adultos que cometem delitos e passam a falsa imagem de heróis corajosos. O garoto Pio de 14 anos é uma das crianças com idade mais avançada, que fica no limite hierárquico do respeito entre os mais novos e o desdém dos mais velhos. Já fuma, realiza alguns furtos e faz a ponte de contato entre eles e a comunidade de refugiados de Burkina Faso. Aqui, o diretor mostra o preconceito de uma classe baixa a outra ainda mais necessitada, e a tentativa de domina-la. O filme é um relato quase documental da desigualdade social, da repressão do estado, da imigração em massa de quem passa fome, e da eterna segregação étnica, racial, religiosa e cultural que acompanhamos diariamente, inclusive nas redes sociais. Foi exibido na Quinzena dos Realizadores, mostra paralela ao Festival de Cannes de 2017, onde ganhou o prêmio Europa Cinemas Label.  Nota 9.0