Sejam Bem-vindos

Ideia, cinema, literatura, opinião, crítica, política, Direito, dia-a-dia - Um espaço para escrever, relaxar e soltar o verbo.
A preocupação é deixada de fora.


Sinta-se em casa!




segunda-feira, 2 de junho de 2014

Te doy mis ojos (by Fabi)


Abordando um tema que sempre nos constrange, a violência doméstica, "Pelos meus olhos", começa a incomodar já nas primeiras cenas: uma mulher fugindo no meio da noite de chinelos com uma criança. Sabe-se que está fugindo de alguma coisa, mas não sabemos do que.
Pillar, uma dona de casa como milhares que conhecemos, cansada da agressividade do marido, foge desesperadamente de seu alcance,
abrigando-se na casa da irmã. Até aí, este poderia ser um filme corriqueiro, de corriqueira briga de marido e mulher, porém o filme nos surpreende de maneira intensa o tempo todo. Uma mulher fragilizada, uma família que não a apóia durante a separação, um filho dividido entre seus pais, um marido constantemente arrependido e buscando tratamento. São apenas algumas das nuances q este belíssimo filme nos apresenta. Com ótimas interpretações, de Laia Marull (Pillar), Luis Tosar (Antônio), "Te doy mis ojos", ganhou prêmios no Festival de San Sebastian , e prêmios Goya, outorgados anualmente pela Academia das Artes e Ciências Cinematográficas da Espanha.

Assista! "Te doy mis ojos" é um drama que não irá (ou não deveria) passar despercebido por ninguém.Um drama que não irá (ou não deveria) passar despercebido a ninguém. ..8/10 .... Nuno Centeio

Nenhum comentário:

Postar um comentário