Sejam Bem-vindos

Ideia, cinema, literatura, opinião, crítica, política, Direito, dia-a-dia - Um espaço para escrever, relaxar e soltar o verbo.
A preocupação é deixada de fora.


Sinta-se em casa!




domingo, 18 de julho de 2010

São Nunca, Nunca Mais! (by Gian)

Não consigo entender como um lugar tão bonito de Niterói consegue suportar um ambiente tão mesquinho como a boate e bar São Nunca. Afinal, a praia de Icaraí é um dos locais mais influentes de Niterói, e o tal boteco é bem próximo do MAC, ponto turístico de inclusão obrigatória em qualquer roteiro de quem venha conhecer a septuagésima quinta melhor cidade em qualidade de vida do país.
Foram apenas dez minutos dentro. Iríamos comemorar o aniversário de uma amiga, que por desconhecer as “qualidades” do local, resolveu fazer um encontro com amigos lá.
Todos os funcionários, começando pelos seguranças, passando pela atendente de caixa, garçons e a gerente; absolutamente ninguém sabia informar se haveria realmente a promoção de bebidas liberadas até às 23 horas, conforme informado por e-mail, pela casa, à aniversariante, dias antes. Até aí tudo bem, falaram que seria dose dupla para as bebidas feitas com vodca e compradas até as 23 horas. Ok, já peguei meu drinque e fui para uma das poucas mesas que tinha cadeira (a maioria das mesas não tinha sequer lugar para os frequentadores sentarem) e resolvi dar meu presente para a amiga que fazia anos. Pronto. Confusão formada. Meu presente era uma garrafa de cachaça cujo interior era recheado de frutas: maçã, uvas, laranja, limão e kiwi. Souvenir totalmente ornamental, feito quase que exclusivamente pra enfeitar a estante ou a mesa da nossa casa. Todavia, pasmem, uma mulher que se dizia gerente veio tirar o presente da mesa, mesa essa destinada exatamente para isso, para expor tudo que a aniversariante recebia dos amigos pela data especial. Ninguém pretendia abrir a garrafa, que estava totalmente lacrada e envolta em laços e fitas decorativas. Mas a arrogância da gerente foi algo tão absurdo, uma grosseria tão sem propósito, que todos, sem exceção, informaram que ali não ficariam ou voltariam mais.
Icaraí é tão bonito, tão cheio de glamour e simpatia, como pode suportar um lugar desses no seu coração? Será que esse câncer terá vida longa num local tão maravilhoso? São Nunca, nunca mesmo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário