Sejam Bem-vindos

Ideia, cinema, literatura, opinião, crítica, política, Direito, dia-a-dia - Um espaço para escrever, relaxar e soltar o verbo.
A preocupação é deixada de fora.


Sinta-se em casa!




domingo, 20 de novembro de 2011

Dinheiro, Confiança e Frustração (by Gian)


Me aconselharam um analista, mas acho que vou preferir gastar meu dinheiro com você”.

Essa frase, dita por um bem sucedido empresário a uma garota de programa, resume um pouco a idéia de Soderbergh em fazer esse filme poético que analise de forma crua e tentação pelo dinheiro e o cotidiano de pessoas normais.

Com mais de vinte filmes nas costas, o diretor da famosa trilogia “Onze homens e um segredo” vem dessa vez com uma produção barata, de curta duração, mas excepcional "Confissões de uma Garota de Programa" que conta um pouco à vida de Chelsea (interpretada pela atriz pornô Sasha Grey), uma garota de programa de luxo cujos clientes são empresários de alto poder aquisitivo dispostos a pagar dois mil dolares por uma noite. A história se passa em Manhattan, em meio a crise que derrubava (e ainda derruba) a economia estadunidense, as dúvidas do mercado financeiro e às eleições que levaram Obama a presidência do país.

Todo esse clima de incertezas nos é mostrado na visão de Sacha, mulher linda e inteligente que começa a duvidar da sua capacidade profissional quando diminui as procuras pelo seu serviço. Com uma maturidade incrível, Steve Soderbergh utiliza uma fotografia realista que nos deixa com a impressão de estarmos presenciando de perto cada momento, isso até incomoda no começo, mas depois de minutos nos acostumamos a essa intimidade que nos é dada.

A narrativa não-linear encaixa-se perfeitamente na proposta de dificultar a entrada do espectador na intimidade da Chelsea , cuja profissão não permite muitas brechas para invasões sentimentais, sua expressão no filme é sempre a mesma, séria e decisiva. Mas nem por isso ficamos totalmente de fora das dores e emoções da personagem, que sempre se manifestam naturalmente nas surpresas que a vida lhe impõe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário